+4 votos
65 visitas
perguntado em Religião e Espiritualidade por (1,6K pontos)
editado por
Ao fazer essa mesma pergunta a um amigo meu, ele me respondeu positivamente e usou um exemplo para confirmar sua resposta. "Se fosse encontrado um fóssil humano de 200 mil anos atrás, a teoria seria refutada".

Você concorda com ele? Os cientistas abandonariam a teoria diante de uma situação assim ou diriam que "o método de datação está errado" ou que "a evolução ocorreu antes do que achávamos"?

Eu já tenho o meu ponto de vista formado sobre o assunto, mas estou interessado em saber o que vocês pensam :)

Obs: recategorizei a pergunta esperando que aqui hajam mais respostas.

3 Respostas

+1 voto
respondida por Cobre (9,4K pontos)
selecionada por
 
Melhor resposta
Bom, para ser uma teoria científica ela tem que ser falseável. É obrigatório!

Assim como a relatividade de Galileu foi abandonada com a chegada da relatividade de Einstein, digo que sim, teorias são abandonadas quando há erros. E olha que a teoria de Galileu resistiu 3 séculos.
comentado por (1,6K pontos)
Sim. Mas a questão é: a Teoria da Evolução cumpre esse critério?
comentado por Cobre (9,4K pontos)
Cumpre. Mas até agora ninguém foi capaz de refutá-la . Pelo contrário, o estudo da genética apenas fortaleceu ela.
+1 voto
respondida por Ouro (57,3K pontos)
a teoria da evolução é plausível.

tudo leva a crer que a criação aconteceu no paraíso não material.

e esse mundo é abominação para Deus, por sua materialidade.

a bíblia diz que nenhuma carne ou sangue entrará no paraíso.

qual o sentido de se criar  a carne e o sangue, e depois considerar abominações?

a criação errou e veio parar nesse mundo material, daí podemos levantar hipóteses, já que a bíblia não confirma.

não podíamos ser só espiritos a vagar em um mundo material, teríamos que ter um corpo material, por um tempo.

e a bíblia também diz que ao findar esse tempo, esse mundo deixará de existir, voltaremos a ser só espirituais, no paraíso ou no inferno, de acordo com a escolha de cada um.
comentado por (1,6K pontos)
Além disso, com todo o respeito, o seu comentário está tão absurdo que você mesmo não deve saber o que está escrevendo.

Em um lugar você diz que dormir se refere à morte espiritual, ou seja, a pessoa ainda está viva:

"os que estão sem Deus nesse mundo são referidos na Bíblia como os que 'dormem' ou que estão mortos espiritualmente"

Em outro lugar você diz que nós dormimos após a morte:

"ela diz que alguns irão 'dormir' após a morte, outros não"

A contradição está muito evidente. Ela não existiria se você acreditasse apenas na Bíblia, ao invés de criar hipóteses mirabolantes.
comentado por Ouro (57,3K pontos)
só falta eu desenhar. rsrs

dormir e estar morto espiritualmente tem o mesmo significado, estamos sem Deus, ou sem a salvação.

e quando a pessoa morre, por exemplo, o João morreu, acabou pro João,  tudo que ele fez aqui não vai se lembrar mais, e se fez tudo certinho, seguiu a Deus, adeus ao espirito que foi o João.

se não ...

pense um pouco e saberá o que vai acontecer com ex João.
comentado por (1,6K pontos)
O corpo não morre espiritualmente, Lázaro não estava morto espiritualmente quando Jesus o ressuscitou e nem santos que dormiam saíram do túmulo após uma mera morte espiritual. Em ambos os casos, a Bíblia usa o termo "dormir". Por que você não acredita na Bíblia?

A Bíblia responde o que ocorre com quem morre: vai para um estado intermediário imaterial (Ap 6:9-10), aguardando a ressurreição para a salvação ou para a condenação (Dn 12:2).

Até agora eu citei vários vários textos da Bíblia como base para o que eu disse. Você não citou nenhum que apoie suas afirmações. Entenda, o meu compromisso é com Bíblia, que é Deus falando conosco. Não acreditarei em nada que a contradiga, nem em algo que eu não tenha certeza que é bíblico. Você deveria acreditar nela também.
comentado por Ouro (57,3K pontos)
eu acredito e sigo as palavras bíblicas.

vamos encerrar, só estamos repetindo argumentos, podíamos ter avançado mais , mas não é o momento.

vamos nos encontrar em uma outra pergunta. rsrs
comentado por (1,6K pontos)
Flw ;)
+1 voto
respondida por Prata (45,1K pontos)
As teorias agem como uma peça ¨coringa¨ para ligar dois pontos separados por um desconhecido.
Digo, não são criadas para serem verdadeiras ...Teorias não afirma, teorias COGITAM..

Agem como um objeto de estudo temporário, até q se acumule evidências o suficiente para substituir teoria A, pela teoria B.
Tanto q doença X é tratada com remédio Y.. até q se encontre um remédio mais eficaz .. Assim são teorias ..


AGR, pensemos em uma campo oposto da ¨sabedoria coletiva¨ ...
Vamos ser simplistas e mencionar algo próximo ..
Uns sei lá 20 anos atrás, éramos 9 planetas no universo...
Hj ¨existem mais¨ ... pq o conhecimento se aprimorou?
SIM e NÃO...

Qual a sua, minha, condição de ir lá no espaço e verificar a existência dos alegados planetas?
Como conseguir discernir o que é conhecimento e o q é PERMITIDO conhecer?

Pode parecer um pensamento um tanto quanto ¨conspiracionista¨ , mas acho mais agradável de imaginar q existem muitas verdades ocultas, portanto não devo de acreditar fielmente em nada ...

Sem precisar ademais detalhes, já ficou claro q pela minha própria natureza ¨desconfiada¨ , considero TODAS as teorias falseáveis .

Portanto prefiro ler e absorver o máximo de informações espalhadas por fontes distintas e não tomar partido em nenhuma kkkkk
comentado por (1,6K pontos)
Entendo.

Perguntas relacionadas

+3 votos
3 respostas
+3 votos
1 resposta
perguntado 8 Mai em Filosofia por Drєαмy Prata (43,3K pontos)
+6 votos
1 resposta
perguntado 23 Ago, 2017 em Arte e Humanidades por Drєαмy Prata (43,3K pontos)
...