+12 votos
56 visitas
em Religião e Espiritualidade por Ouro (72,8K pontos)

Entre ou cadastre-se para responder esta pergunta.

5 Respostas

+2 votos
por Platina (91,6K pontos)
selecionada por
 
Melhor resposta
Sim, e poderia citar aqui bençãos financeiras, livramentos e milagres.

Mas para mim o maior acontecimento foi a própria conversão, ter alcançado a fé.

Vivia na incredulidade, não via razão ou lógica do porque crer em Deus, achava que não precisava disso, lia muitos livros de ficção científica, e pendia mais para explicações de extraterrestres do que de Deus.

Mas então a vida que tinha construído para mim ruiu, caiu por terra e entrei em uma crise existencial, onde nada mais fazia sentido, e continuar a viver deixou de ser o melhor a fazer.

Como última esperança, resolvi dar uma chance ao Deus que sempre tinha ouvido falar, e fui em busca Dele, mas com o  grande desejo de que Ele fosse uma verdade, e que me daria respostas.

Fui sem orgulho algum, pronto para conhecer Deus,  e conheci.

Foi uma experiência única, para a vida toda, entrei na igreja incrédulo, sem esperanças e saí crendo na existência de Deus, tive respostas, aconteceram mudanças em meu interior que de maneira nenhuma poderiam terem acontecido sozinhas, porque já tinha tentado em muitos outros lugares antes.

Aconteceu a conversão, encontrei a fé.

Nunca mais poderei duvidar da existência de Deus, Ele se mostrou presente em minha vida a partir do momento que fui sincero na vontade de conhecê-lo.
por Ouro (72,8K pontos)
Que lindo Kevin
+1 voto
por Bronze (19,6K pontos)
Sim, sim...
+1 voto
por (976 pontos)
Sim. Hoje é mais fácil duvidar da minha própria existência que a de Deus kk.
por Ouro (72,8K pontos)
Que maravilha!!!!
+1 voto
por Ouro (54,6K pontos)
Nada que prove, caso contrário eu não seria agnóstico.
Tive 2 evidências:

1) Quando eu era menor e pedia algo para deus, recebia.
2) Relatos aparentemente sobrenaturais de pessoas próximas


Embora as 2 evidências são discutíveis e parecem ter partido apenas da minha falha intuição.
por Ouro (72,8K pontos)
Entendi, bjs
+1 voto
por Bronze (14,4K pontos)
O Universo que enxergamos não passa de uma interpretação de nossa própria mente, como já dito antigamente: "Você é o centro do seu próprio Universo". Dentro dessa perspectiva, podemos interpretar alguma sequência de eventos como uma manifestação divina, casualidade ou ações e reações em cadeia.

Quando olhamos em detalhes, não penso ou manifesto alguma fé em uma divindade, todavia a presença da natureza e seu modo de funcionar está além da mera compreensão que uma vida humana pode vislumbrar.

Afirmar ou negar algo, não tenho capacidade para tal, independente da sequência de eventos em minha vida.

Perguntas relacionadas

+6 votos
1 resposta
perguntado 5 Mar, 2018 em Arte e Humanidades por Amaya. Diamante (101K pontos)
+4 votos
2 respostas
+4 votos
9 respostas
+5 votos
2 respostas
+7 votos
1 resposta
Seja bem vindo ao Gloove, seu novo site de perguntas e respostas. Crie uma conta gratuita e participe!
...