+6 votos
56 visitas
em Arte e Humanidades por Bronze (22,4K pontos)
Um pra cuidar dela o outro pra ela cuidar

Não sei se me faço entendida mas é o que tem pra hj

Entre ou cadastre-se para responder esta pergunta.

4 Respostas

+2 votos
por Ouro (58,3K pontos)
selecionada por
 
Melhor resposta
Interessante o questionamento..mas em ambos os casos é uma coisa bem passional né?  Afinal onde entra a cama aí? que como diz Sigmundo Freud, todos os problemas são de ordem sexual...rss...convenhamos que não da pra ir pra cama com papai ou filhinho, então veja só que  complicada a vida desse ser, que com certeza mais cedo ou mais tarde vai dizer,mas eu não consigo me realizar na cama e coisa e talz,mas eu amo meu companheiro e bla bla.......concorda? peguei pesado né? mas foi o que me fez pensar...

Foi vc que começou....rss...

bjoos
por Bronze (22,4K pontos)
Pegou não tá certa
+1 voto
por Prata (30,9K pontos)
Candanga Letrada,

O que eu acredito que esteja ocorrendo com mais frequência é a busca da figura masculina por mulheres que não tiveram em sua criação.
Muitos "pais" abandonam seus filhos/filhas deixando para a mãe todo o envolvimento emocional.
Ocorre que sem esta figura masculina provavelmente as meninas irão buscá-la em outros homens que tenham características do pai, ou lembrem um pai que "não tiveram".
Quanto a tratá-los feito "filhinho" talvez seja uma forma de colocarem pra fora seu lado mais maternal.
Não sou psicóloga, isso é só uma percepção que tenho ao observar mulheres com este comportamento.
Não é sadio, em meu entender. Mas também não faz parte de um "inconsciente coletivo".
As relações devem ser pautadas no que elas são, e não no que fantasiamos ser.
E viva a terapia!!!
:)
por Bronze (22,4K pontos)
Viva a terapia
+1 voto
por Bronze (13,7K pontos)
É verdade, já li que algumas mulheres adoram dizer: "mereço umas palmadas papi, porque fui uma menina má."
por Bronze (22,4K pontos)
Kkkkk esse fetiche é e engraçado
+1 voto
por Ouro (53,4K pontos)
Freud fala do Complexo de Electra, fase  em que a filha passa a se sentir atraída pelo próprio pai, disputando com a mãe a atenção deste homem. Quem sabe isso explique a atração de mulheres jovens por homens mais velhos? Ou a falta de atenção do pai na infância, faça essa mulher  ver num homem mais velho a figura paterna e querer receber carinho que não recebeu? Ainda tem o caso de mulheres que chamam o marido de pai, já reparou? E o contrário também existe, seria o Complexo de Édipo em que a criança do sexo masculino,  numa determinada fase, cria fortes desejos pela mãe. E tem homem que chama a mulher de mãe, também. Eu penso que existe de tudo nesse mundo.

Perguntas relacionadas

0 votos
6 respostas
+1 voto
2 respostas
perguntado 30 Abr em Filosofia por Que importa Bronze (22,4K pontos)
+3 votos
2 respostas
–2 votos
5 respostas
Seja bem vindo ao Gloove, seu novo site de perguntas e respostas. Crie uma conta gratuita e participe!
...